Vinnícius Almeida
  • (Re)descobrir-se E recuperava sua identidade, recuperando a memória — cujas partes são pombas que só no pombal se ajuntam. E a memória era humanidade. Sim, atingir o humano é um estágio mais alto […] O que não perguntei, fiquei sabendo. Requer muitas almas a coragem. Muitas coragens, até atingirem a alma […] Só o amor dá […]
    0
    Comentários
    10 de julho de 2017
  • Mamon! “Os homens perdem em geral a consciência de que existem deuses devoradores da vida humana. Os ídolos são implacáveis em suas exigências de sacrifícios” – Hugo Asmann & Franz Hinkelammert Quando é que cabe – se é que cabe – a lógica perversa de um lucro maximizado? Sempre há – pelo menos desde há muito… […]
    0
    Comentários
    6 de maio de 2017
  • Cabeça de polvo Calo-me, espero, decifro. As coisas talvez melhorem. São tão fortes as coisas! Mas eu não sou as coisas e me revolto. Tenho palavras em mim buscando canal, são roucas e duras, irritadas, enérgicas, comprimidas há tanto tempo, perderam o sentido, apenas querem explodir(…) (Trecho do poema “Nosso Tempo”, de Carlos Drummond de Andrade) Difícil é […]
    0
    Comentários
    29 de abril de 2017
  • De passagem… Perdemos o ônibus! Exatamente pelo fato da companhia não ter informado o trajeto esperado, nós não embarcamos!   Sim! Isso tudo por clara e óbvia negligência da empresa, que não identificou os carros e nem sequer apresentou o lugar de destino no letreiro do veículo.   Nem mesmo as cores ou o logotipo de sua […]
    0
    Comentários
    25 de fevereiro de 2017
  • Tecendo & permanecendo… “O êxtase não perdura”, escreveu o romancista E.M. Forster, “mas abre um canal para algo duradouro”. A fidelidade perseverante, focada e sem desvios confirma a autenticidade de nossa espiritualidade. Os predecessores para os quais nos voltamos em busca de ânimo nessas questões – Agostinho de Hipona e Juliana de Norwich, João Calvino e Amy Carmichael, […]
    0
    Comentários
    31 de janeiro de 2017
  • Valeu Bauman! É inegável que ele está entre os autores de maior relevância no século XX, com uma trajetória profundamente ativa, na qual produziu até os últimos momentos de sua vida. Li Bauman pela primeira vez no início da juventude. Cursava a graduação em Serviço Social e fiquei bastante entusiasmado com o conceito de “Modernidade Líquida”. Já pirava […]
    0
    Comentários
    9 de janeiro de 2017
  • O Velório… Felipa ainda quente no caixão e o que me vem à cabeça é o vasilhame que areava até espelhar. Com a mesma idade minha, só porque morreu, não pode empoeirar-se num museu de fósseis seu modo de arrematar qualquer assunto: ‘É um problema, comadre’. Existem as costas, o saco e o suportar. E suportar, que […]
    0
    Comentários
    4 de janeiro de 2017
  • Gallus gallus domesticus O que fazer quando o toque do celular fala mais alto que o canto do passarinho? Não é mais sobre a galinha ou o ovo. Trata-se da algidez… desde os ninhos! Tadinhos! Apáticos estão os pintinhos! Todos o poleiro está cínico! Porque não basta o cuidado, Clínico… Era essa, avessa! Tempos de bagaços, sabugos e […]
    0
    Comentários
    26 de outubro de 2016
  • Para cima e para cima… A arte tem seu próprio significado. Uma obra de arte pode ser posta em uma galeria e admirada. Escutamos uma música simplesmente por apreciação. Um tipo de apreciação que não é meramente hedonista; vai muito além disso, apesar de, em alguns casos, nos dar grande prazer. Entretanto, há a possibilidade de um grande número de […]
    0
    Comentários
    29 de agosto de 2016
  • A autêntica esperança impulsiona… O que podemos e devemos fazer no presente, se somos obedientes ao evangelho, se estamos seguindo a Jesus, e se somos habitados, fortalecidos e dirigidos pelo Espírito, é trabalhar em prol do reino. Isso nos leva mais uma vez a 1 Coríntios 15.58: a obra que fazemos no Senhor não é vã. Não se trata […]
    0
    Comentários
    26 de agosto de 2016